Header-Blog-HCBoobam-kids-(1)fd

Convidamos a Paula Passini e a Bruna Lourenço, do blog Histórias de Casa – referência em decoração com conteúdo 100% autoral – para contar uma história em homenagem ao Dia das Crianças. Visitamos uma casa muito especial que estimula a vivência entre pais e filhos: nela, os pequenos interagem com todos os espaços e até os brinquedos viram parte da decoração, incluindo as novidades da categoria KIDS, dedicada à peças de design pensadas especialmente para as crianças.

Uma casa é como um organismo vivo. Um lugar em constante movimento e transformação, assim como nós. Ela muda de cor, de humor e de ritmo para acompanhar as diferentes fases da vida. A designer Lívia Amaral entende bem esse ímpeto de mudança. Ela e o marido, Gustavo, moram em um sobrado delicioso há quatro anos e meio, mas nesse meio tempo a decoração foi ganhando novos contornos. Entre outros fatores, o que realmente impulsionou essas alterações foi o nascimento de Antônia, segunda filha do casal.

 

luizaflorenzano-historiasdecasa-boobam-casalivia-171

luizaflorenzano-historiasdecasa-boobam-casalivia-009

“A chegada de um filho muda muitas coisas na dinâmica da família e a casa tem que acompanhar essas transformações. Mudam os ânimos também! Cansei de certas cores, quis deixar os espaços um pouco menos coloridos”, Lívia explica.

boobam-casalivia-018

luizaflorenzano-historiasdecasa-boobam-casalivia-001
Manta Abstrata Vermelha, DaDa.

boobam-casalivia-014

luizaflorenzano-historiasdecasa-boobam-casalivia-028

luizaflorenzano-historiasdecasa-boobam-casalivia-006

luizaflorenzano-historiasdecasa-boobam-casalivia-036.jpg

boobam-casalivia-019

luizaflorenzano-historiasdecasa-boobam-casalivia-053.jpg

boobam-casalivia-020
Painel com pintura e bordado, Naia Ceschin. Cesta String, Srta. Galante.

O engraçado é que o que começou como uma pequena reforma acabou se transformando em uma grande mudança de vida. Inspirada por fazer algo que realmente ama, que é cuidar da casa, garimpar peças e encontrar maneiras de deixar os ambientes mais convidativos, Lívia descobriu uma nova carreira e hoje trabalha com decoração. “Eu sou um tanto cíclica, e passei por mudanças bem fortes com a chegada de cada filho. Quando o Inácio nasceu, deixei um trabalho de 4 anos em uma casa de festas para montar a Decoração do Baile. E quando a Antônia nasceu, vendi a empresa para fazer um sabático com a família. Foi uma experiência bem marcante e que eu e meu marido queríamos muito ter”, ela lembra. Na volta da viagem, Lívia criou a Casa Sopro, um serviço de decoração que ajuda as pessoas a deixar os espaços mais funcionais, bonitos e com personalidade de forma descomplicada.

luizaflorenzano-historiasdecasa-boobam-casalivia-034

boobam-casalivia-038
Luminária Zig, Casa Costillas

luizaflorenzano-historiasdecasa-boobam-casalivia-051

luizaflorenzano-historiasdecasa-boobam-casalivia-044

boobam-casalivia-046
Abajur Refletor por Nada Se Leva, La Lampe.
luizaflorenzano-historiasdecasa-boobam-casalivia-048
Vaso e descanso Granilite, Gypso

luizaflorenzano-historiasdecasa-boobam-casalivia-061

luizaflorenzano-historiasdecasa-boobam-casalivia-055
Mix de almofadas string, Srta. Galante

luizaflorenzano-historiasdecasa-boobam-casalivia-065

boobam-casalivia-067
Vaso rústico, Atelier Nun + Baqueta Rango, Paulo Alves

Nessa casa, as crianças ocupam todos os espaços e essa sempre foi a ideia. Eles vão da sala de brinquedos para a sala de TV e para o jardim, e adoram a área da rede também. Nos finais de semana, o casal deixa a rede montada e curte aquele canto com eles sem pressa. Um dos ambientes que mais mudou nos últimos tempos é a brinquedoteca, mesmo porque ela precisa acompanhar a idade das crianças. Antes Inácio era fascinado por fantasias, então ele tinha um varal onde as deixava expostas e bastante área livre para espalhar seus Legos. Quando Antônia nasceu, alguns detalhes foram adaptados, como o armarinho que guarda os tesouros menores do menino para a irmã não estragar sem querer: spinners, figurinhas, álbuns, diários…

luizaflorenzano-historiasdecasa-boobam-casalivia-070
Almofadão Pterodáctilo + Costela de Adão, Lille Piá
luizaflorenzano-historiasdecasa-boobam-casalivia-086
Jac’n Roll, Noos

luizaflorenzano-historiasdecasa-boobam-casalivia-076

luizaflorenzano-historiasdecasa-boobam-casalivia-082
Conj. de atividades, Noos

boobam-casalivia-078

Lívia e Gustavo têm um carinho especial pelo sofá, pois pertenceu a seu primeiro apartamento juntos, há uns 12 anos, então não queriam se desfazer dele. Mas não é que o móvel até veio a calhar na brinquedoteca? Os dois sentam ali para ler livrinhos ou brincar de boneca com a filha, enquanto Inácio aproveita para ver filmes, jogar ou desenhar. “Esse canto está assim agora, mas ele vai seguir mudando mesmo. Estou sempre tentando entender o que as crianças estão curtindo e assim vou montando o espaço da melhor forma para que a brincadeira aconteça”, Lívia conta.

luizaflorenzano-historiasdecasa-boobam-casalivia-161
Coleção de porcelanas Cores de Tarsila, Bárbara Penaforte
boobam-casalivia-165
Banquinho carretel amarelo, Lille Piá

luizaflorenzano-historiasdecasa-boobam-casalivia-135

boobam-casalivia-142
Banqueta Rango Rouxinho, Paulo Alves

luizaflorenzano-historiasdecasa-boobam-casalivia-144

luizaflorenzano-historiasdecasa-boobam-casalivia-146
Coleção de pratos de cerâmicas. Inspire-se na coleção de diferentes artistas da Sambaqui

boobam-casalivia-145

luizaflorenzano-historiasdecasa-boobam-casalivia-153
Tábua Diem, Carmine Original Crafts

luizaflorenzano-historiasdecasa-boobam-casalivia-154

boobam-casalivia-15
Porta ovos da coleção do André Poppovic, Massa Branca

Como a casa é muito integrada, ela colabora para que a família esteja sempre junta. O jardim faz a volta no terreno e as portas de vidro estão por toda parte, então fica fácil interagir com as crianças, mesmo quando elas estão correndo por aí, brincando de lobo mau, de monstros ou de caçar fantasmas…

luizaflorenzano-historiasdecasa-boobam-casalivia-094

luizaflorenzano-historiasdecasa-boobam-casalivia-093

luizaflorenzano-historiasdecasa-boobam-casalivia-089

 

luizaflorenzano-historiasdecasa-boobam-casalivia-100
Estante Cori, Noos

luizaflorenzano-historiasdecasa-boobam-casalivia-108.jpg

_casalivia-107
Escadinha, Caju (na casa juntos)

“Nossa casa já estava de certa forma pensada para o caso de termos um segundo filho, mas ela ficou muito mais alegre com a família maior”, o casal diz. Inácio, o filho mais velho, tem 6 anos e sonhava com uma cama mais alta, então Lívia o presenteou com um beliche – e ele sempre dorme na parte de cima, enquanto o colchão de baixo fica à disposição das visitas ou vira o canto de leitura com os pais à noite. O futon, usado como sofá no dia a dia, ainda acomoda mais dois amiguinhos: ou seja, a festa do pijama fica garantida. No restante da decoração, Inácio pediu cores mais neutras e também uma escrivaninha para fazer as lições, por isso a moradora escolheu um tom mostarda para as paredes e complementou a área de estudos com estantes. “Ele está gostando de ler livros e é bom ter todos organizados”, explica.
luizaflorenzano-historiasdecasa-boobam-casalivia-112

_casalivia-110

boobam-casalivia-122
Fogão de cabeceira, Caju (na casa juntos) + Banquinho Carretel laranja, Lille Piá

boobam-casalivia-118

luizaflorenzano-historiasdecasa-boobam-casalivia-120
Visite a sessão inspirações Cerâmicas & Porcelanas na Boobam

Para o quarto de Antônia, Lívia queria uma atmosfera meiga, e isso levou ao uso das cores suaves e de detalhes delicados. “Fui juntando itens, quadrinhos, coisas que fui ganhando, como a fôrma de bolo antiga em forma de coração ou a folha seca com seu nome bordado”, a moradora conta. São muitos objetos e móveis de afeto, incluindo o armário vintage de madeira escura e o cesto de palha para brinquedos, um presente da amiga e designer Drê Magalhães. A cama também foi mudando com o tempo: primeiro veio o berço, depois o futon herdado de Inácio e agora o modelo de casinha, onde a menina se diverte.

luizaflorenzano-historiasdecasa-boobam-casalivia-127

boobam-casalivia-132
Almofada tricot string cru, Srta. Galante + Suporte Botânico Heras, T44 Studio

O desejo de criar uma casa onde a família venha em primeiro lugar é uma herança que Lívia trouxe de seus pais: “Eu cresci em uma casa antiga linda, de estilo português, com um jardim incrível, sempre bem cuidado pela minha mãe. Foi onde meu pai morou quando pequeno, depois meus avós venderam e ele recomprou quando nasci. Ela tinha diversos objetos interessantes, trabalhos de artistas amigos, uma decoração muito rica e muito aconchego! Vivi algumas reformas naquele endereço e meus pais também vibravam com as transformações, como eu vibro hoje. Eles tinham um cuidado e também viam o lar como uma parte importante da nossa rotina, do nosso convívio. Ficávamos muito em casa. Eu sou feliz hoje por poder criar meus filhos em uma casa de rua, com jardim, com horta, com passarinhos que vêm nos visitar. Acho que no fim a ideia da casa em si, da liberdade que ela traz, do prazer que proporciona, de poder receber e reunir, é o melhor de tudo. Adoro ver a alegria dos meus filhos quando voltamos de uma viagem. Eles correm para a mesinha da sala de brinquedos! Acho maravilhoso ter um lar que nos deixa tão juntos, mas também permite que cada um tenha o seu próprio espaço”.

luizaflorenzano-historiasdecasa-boobam-casalivia-159

Aliás, a nova safra do design infantil está mudando a forma como as crianças se relacionam com a casa. Esqueça aqueles móveis de plástico ou com adesivos de personagens. As peças agora exploram acabamentos mais resistentes e desenhos que estimulam a criatividade, mas tendo a funcionalidade como ponto principal. Lívia, uma apaixonada pelo tema, ressalta a importância que o design pode ter inclusive na educação dos filhos: “Acho que o interessante destes novos produtos é o foco na autonomia da criança e o resgate de atividades mais lúdicas. Acho muito legal também a preocupação com a não esteriotipação dos gêneros”, ela fala.

As possibilidades do design para crianças são infinitas: de uma estante em formato de cobra a escadinhas que as ajudam a alcançar a pia, essas peças atendem a alguma necessidade real dos pequenos na casa ou servem como inspiração para muitas brincadeiras. Por isso a Boobam possui a categoria KIDS, criada especialmente para famílias que valorizam o design desde cedo. “Tendo a gostar mais de itens neutros, que deixem espaço para a criação e a imaginação dos meus filhos. As crianças têm tanto estímulo hoje, tantas opções. Percebo que quando eles veem um cavalinho de pau ou um carrinho de madeira, eles ficam fascinados. É como se o antigo fosse o novo”, Lívia diz.

Além das peças da categoria KIDS, Lívia também garimpou opções incríveis na Boobam para os outros cômodos de sua casa, como a luminária com base dourada da La Lampe; as cerâmicas coloridas que alegram ainda mais a área externa; almofadas de tricô e os bancos de madeira do designer Paulo Alves que podem transitar pelos ambientes, entre outros itens.

Se você está em busca de móveis ou objetos de design autoral, não perca as novidades do site. Lá você compra diretamente dos designers mais talentosos espalhados pelo Brasil.


Visite a categoria BOOBAM KIDS:

Screen Shot 2018-09-24 at 12.27.08

Screen Shot 2018-09-24 at 12.28.43

Agradecimentos: Lívia Amaral e Gustavo
Em parceria com Paula Passini e Bruna Lourenço, Blog Histórias de Casa
Fotos: Luiza Florenzano

Posted by:Boobam

2 replies on “A casa da designer Lívia Amaral

Deixe uma resposta